Fibras Inorgânicas

As fibras inorgânicas são constituídas, essencialmente, por compostos químicos inorgânicos, com base em elementos naturais, como o carbono, o silício e o boro, que, em geral, após receberem tratamento a elevadas temperaturas se transformam em fibras.

As fibras inorgânicas, também muitas vezes apelidadas de fibras de alto desempenho ou de super-fibras, apresentam caraterísticas e propriedades que as diferem das restantes fibras não-naturais, e, por isso, raramente encontram aplicações na área dos têxteis convencionais. Efetivamente, estas fibras apresentam como caraterísticas gerais elevadas resistências térmica e mecânica, o que faz com que sejam sobretudo aplicadas em soluções de engenharia, em muitos casos, em combinação com outro tipo de materiais – compósitos. Nestas aplicações, concorrem, normalmente, com materiais convencionais, substituindo-os muitas vezes devido à sua facilidade de processamento, resistência térmica, resistência a agentes químicos e, sobretudo, devido à excelente relação peso/propriedades mecânicas.

De uma maneira geral, as fibras inorgânicas são de difícil processamento pelas técnicas têxteis convencionais, como tecelagem ou tricotagem, devido ao facto de quebrarem facilmente em flexão (frágeis), de apresentarem baixo alongamento na rotura e de possuírem elevados coeficientes de atrito com os metais, obrigando, muitas vezes, à sua lubrificação superficial.

Fibras Naturais

Fibras Naturais

As fibras naturais podem ser de origem animal, vegetal ou mineral. Nos últimos anos tem-se assistido a um interesse renovado pelas fibras naturais considerando as questões relacionadas com a sustentabilidade do planeta.

Ver mais

Fibras Não Naturais

As fibras não-naturais foram desenvolvidas com o intuito de melhorar várias propriedades, como o rendimento mecânico, a estabilidade térmica e a condutividade elétrica, relativamente às fibras naturais.

Ver mais

fibras inorgânicas

Fibras Inorgânicas

As fibras inorgânicas, também muitas vezes apelidadas de fibras de alto desempenho ou de super-fibras, apresentam caraterísticas e propriedades que as diferem das restantes fibras não-naturais.

Ver mais

fibras funcionais

Fibras Funcionais

As fibras funcionais são fibras que desempenham uma função específica, podendo definir-se como sendo únicas, na medida em que cada uma está apta para responder a uma dada situação.

Ver mais

Nanofibras

As nanociências e a nanotecnologia deram origem às nanofibras, sendo atualmente dos principais focos de atividades de investigação, desenvolvimento e inovação, onde os investimentos têm sido significativos.

Ver mais

fibras multicomponentes

Fibras Multicomponentes

Espera-se que no futuro, pela possibilidade de combinação das propriedades dos polímeros de base, as fibras bicomponentes se assumam como materiais de engenharia em áreas tão diversas como a medicina, a arquitetura, a agricultura e, mesmo, a moda.

Ver mais

Aprenda online com especialistas Fibrenamics

Aprenda online com especialistas Fibrenamics

Junte-se à rede. Experimente grátis

You have Successfully Subscribed!