Mensagem Editorial

Prof. Raul Fangueiro, Coordenador na Fibrenamics — Universidade do Minho

Share on FacebookShare on Google+Share on LinkedInTweet about this on Twitter

O atual contexto socioeconómico em que vivemos carateriza-se por um ritmo acelerado de mudança tecnológica, pela globalização da competitividade e pela redução do ciclo de vida dos produtos.

É por isso cada mais relevante pensarmos a estratégia de inovação tecnológica de uma organização com objetivos claros, definidos em planos de ação concretos. Pensar onde atuar, quais os recursos necessários à introdução de inovação e quais os obstáculos a ultrapassar. Estas são ações chave para a implementação de uma estratégia bem-sucedida.
Não obstante, é também crucial a monitorização de toda a envolvente do produto e como a mesma pode ser integrada na respetiva estratégia. Numa era de mudança de paradigma digital, o desenvolvimento de um produto e a sua competitividade dependem da leitura que é feita do chamado ‘big data’.
As tendências sociais e económicas, os comportamentos de consumo, a inteligência empresarial e o benchmarking são em tudo relevantes para o produto final. É por isso que cada vez mais um modelo de desenvolvimento integrado como o que a Fibrenamics tem vindo a adotar e a implementar nos projetos próprios, consórcios e parcerias — Intelligence + Science + Technology + Business — é o caminho a seguir.

Nesta Newsletter Fibrenamics contamos com a visão do Project Manager da Fibrenamics, Fernando Cunha, sobre esta temática da gestão de produtos inovadores e partilhamos também as ideias mais importantes que recolhemos nas Fibrenamics Business Talks. O projeto Light Color Composite está igualmente em destaque nesta edição, mostrando-se os resultados obtidos na parceria entre Fibrenamics e a Castros – Iluminações Festivas. Por fim, é com enorme orgulho que apresentamos a AuxDefense2020, a 2ª edição da Conferência Mundial em Materiais Avançados para Defesa.

Fibre the Future!

Raul Fangueiro